Treino funcional e clube de corrida para filiados ao SINDSEMP-SE começam na terça, dia 2

Pensando na promoção de saúde para o quadro filiados ao SINDSEMP-SE, irá retornar a partir dessa terça, dia 2, a oferta de atividade física para os sindicalizados que buscam melhora em sua qualidade de vida. Sempre no Parque da Sementeira, às 19h, haverá treino funcional às terças e quintas e clube de corrida às quartas.

As atividades serão abertas aos filiados em dia com o Sindicato e serão ofertadas sem custo para o servidor. As aulas serão ministradas pelo educador físico Robson Neto, profissional que há sete anos atua com treino funcional, personal training, consultoria online, alongamento, core training e ginástica laboral. Ele destaca os benefícios da atividade física, defendendo que ela deve ser buscada por todos os públicos.

“São muitos benefícios, como diminuição do estresse e do cansaço, melhora da resistência, força, equilíbrio, agilidade, desempenho e postura, riscos mais reduzidos de doença cardiovasculares e o fortalecimento de ossos e articulações”, aponta o profissional. Robson destaca ainda que, apesar de ser uma atividade coletiva, o treino é individualizado. “Com cada aluno, faço um trabalho personalizado, monitorando postura e auxiliando nos exercícios”, explica.

Dessa forma, buscando contemplar os objetivos de cada participante da atividade e respeitando os limites de cada um, a prática visa proporcionar saúde e bem-estar, melhorando a qualidade de vida dos trabalhadores efetivos do Ministério Público de Sergipe (MPSE) que buscarem o serviço ofertado pelo Sindicato.

Ao ir para a atividade, não se esqueça dos cuidados com a pandemia: mantenha distância social segura, use máscara o tempo todo, não compartilhe garrafa de água ou outros objetos pessoais e faça uso do álcool gel. Esse é também um ótimo momento para usar o kit de proteção fornecido pelo SINDSEMP-SE para proteção contra o novo coronavírus.

Compartilhar

CONVÊNIO SINDSEMP-SE: CUIDE DE SUA SAÚDE MENTAL NA PROFINT


O cuidado com a saúde mental tornou-se um assunto em bastante evidência com a pandemia da COVID-19. Pressões pelo confinamento em casa, preocupações com a disseminação do novo coronavírus, instabilidade financeira e conjuntura político-econômica conturbada compuseram um conjunto de ingredientes que potencializaram crises de ansiedade, casos de depressão e outros transtornos psicológicos que requerem cuidados da mesma forma como cuidamos do corpo.

Pensando nisso, o SINDSEMP-SE sente a necessidade de reforçar a divulgação de um convênio mantido com a PROFINT – Profissionais Integrados LTDA. Filiados regularmente em dia com as obrigações sindicais têm direito a 30% de desconto no valor da consulta do profissional.

Hoje funcionando como uma clínica-escola, também ofertando cursos, a PROFINT atua há 27 anos e conta com uma equipe altamente qualificada. Em seu corpo clínico, são cerca de 50 profissionais disponíveis para atendimento, inclusive com especialistas em atendimento a pessoas que lidam o assédio moral.

Na palavras da própria clínica, a instituição tem como objetivo “oferecer ao nosso cliente um ambiente saudável, familiar, acolhedor, embelezado de arte, que transpire criatividade e paz. Este é o primeiro passo para que o cliente se sinta encorajado e acolhido em seu processo de crescimento emocional”.

Quanto aos serviços disponíveis, estão Psicoterapia (individual, casal, familiar e grupal); Arteterapia e Psicopedagogia; Consultas médicas (homeopatia, nutrição e saúde mental); Orientação Vocacional/Profissional; Avaliação Psicológica (inclusive para concursos); Treinamentos Interpessoais (empresas e escolas); Vivências e Debates Científicos, entre outros.

Entre em contato pelos telefones (79) 3021-0757 ou 99899-4563 ou ainda através do Email [email protected] para consultar valores das consultas quais serviços estão inclusos no convênio. A PROFINT fica localizada na Rua Poeta José Sales de Campos, nº 794, Bairro Coroa do Meio, Aracaju-SE.

 


Esta matéria é parte de uma série reforçando os convênios aos quais filiados e filiadas ao Sindicato possuem acesso. Para conferir todos os convênios, toque aqui

Compartilhar

INFORME SEMANAL – TRABALHADORES EFETIVOS DO MPSE

Coluna semanal da Assessoria de Comunicação do SINDSEMP-SE
25 a 29/01/2021


O Governador Belivaldo Chagas anunciou na última semana que pagará, em 2021, metade do 13º salário no mês de aniversário do servidor. Mas quem realmente paga a conta pelo “benefício” é o próprio servidor, de acordo com o economista Luís Moura, supervisor técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconomicos.

Ele destaca que a reforma da previdência proporcionou R$ 53 milhões de receita a mais aos cofres do estado. Tanto pelo aumento da receita quanto pela redução de despesas, o governo se vangloria de uma benesse depois de ter aplicado o índice de aposentadoria de 14% ao quadro funcionalismo do estado.

Crise sanitária (e humanitária) no norte do país

Segue o drama da população vítima da falta de oxigênio (e do descaso) na Região Norte. A falta do produto essencial para mitigação dos sintomas da COVID-19 de paciente em estado grave continua vitimando pessoas no estado do Amazonas e no Pará. A crise já avança também para outros estados da região. Capitais e cidades do interior em estados já indicam colapso da rede hospitalar e há preocupação que a falta do insumo se repita.

Solidariedade de classe

Com a alta demanda por oxigênio, as Centrais Sindicais se uniram e viabilizaram um acordo com a Venezuela para o fornecimento de 80 mil m3 por semana. O acordo foi considerado histórico pelo Fórum das Centrais Sindicais formado por CUT, Força Sindical, UGT, CTB, CSB, NCST. As seis principais entidades trabalhistas brasileiras iniciaram o contato com o governo venezuelano assim que houve grande repercussão da carência do produto e foi exposta a falta de empenho do Governo Bolsonaro em resolver a crise.

Convênios para filiados ao SINDSEMP-SE

A partir dessa semana, o SINDSEMP-SE reforçará a divulgação dos convênios aos quais os filiados ao Sindicato têm acesso. Semanalmente, serão mostrados os detalhes e serviços de cada parceiro. Todos os convênios estão disponíveis no nosso site.

Clube Fenamp

Falando em convênio, já conhece o Clube Fenamp?  São inúmeros benefícios junto a parceiros para quem é cadastrado nesse serviço da nossa Federação. Para ter acesso, basta se cadastrar na página do clube e usufruir dos descontos.

Categoria ainda aguarda resposta do PGJ

Após reunião do Sindicato com o PGJ, Manoel Cabral Machado Neto, a categoria ainda aguarda uma resposta do gestor aos pleitos apresentados. Em reunião realizada no dia 12, foram solicitados reajuste referente à inflação de 2020, afixada em 5,45% conforme Índice de Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), complemento de 0,98% referente a reposição inflacionária de 2019 e reposição de 4,48% sobre os auxílios alimentação e interiorização retroativos a janeiro de 2020. Também foi solicitada a criação de uma comissão para discutir relotações de ofício, assédio moral, concurso público e demais assuntos da carreira de analista e técnico no MPSE.

 


Thiago Leão | ASCOM – SINDSEMP-SE
[email protected] | [email protected]

Compartilhar

Em ofício, SINDSEMP-SE solicita reparos na cobertura de estacionamento no MPSE

Pensando na segurança física e patrimonial dos trabalhadores do Ministério Público de Sergipe (MPSE), o SINDSEMP-SE encaminhou ofício requerendo reforma ou substituição da cobertura do estacionamento externo no edifício-sede da instituição. O ofício foi protocolado na segunda, dia 18, e alega que o fato foi noticiado por diversos servidores, destacando também a necessidade de preservar o patrimônio físico e estético do MPSE.

Confira o Ofício nº 003-2021 – Reparos na cobertura do estacionamento.

Compartilhar

INFORME SEMANAL – Trabalhadores Efetivos do MPSE

Coluna semanal da Assessoria de Comunicação do SINDSEMP-SE
18 a 22/01/2021

Retornamos à atividade em 2021 após um recesso atípico. Em meio à pandemia, seguindo a necessidade de manter o distanciamento social, iniciamos o ano dando continuidade à luta da categoria. A partir de agora, o SINDSEMP-SE encaminhará informe semanal com o resumo das atividades do Sindicato, da luta da categoria empenhada pela nossa Federação e da conjuntura nacional.

EIS A VACINA!
A tão aguardada vacina contra a COVID-19 deve estar disponível ao povo brasileiro em breve. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) aprovou, neste domingo, dia 17, o uso emergencial da CoronaVac, imunizante produzido pelo Instituto Butantã em parceria com a farmacêutica chinesa SinoVac, e a vacina da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), desenvolvida pela Universidade de Oxford (Reino Unido) e pelo laboratório AstraZeneca.

Após a primeira pessoa vacinada em São Paulo – uma enfermeira, negra, de 64 com diabetes e hipertensa – o Plano Nacional de Vacinação iniciou a distribuição da CoronaVac já na segunda, dia 18, e ainda esta semana os estados e municípios devem começar a vacinar a população, de acordo com o Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello.

SERGIPE
Segundo o Governo do Estado, Sergipe já possui um plano de logística pronto para iniciar a distribuição por aqui. No momento inicial, na distribuição proporcional das primeiras doses da CoronaVac para os estados, serão pouco mais de 48 mil doses do imunizante para os grupos prioritários sergipanos. Os profissionais de linha de frente no combate contra a COVID-19 no Hospital João Alves Filho deverão ser os primeiros a receber essas doses.

A primeira fase inclui trabalhadores da saúde, idosos com mais de 75 anos e idosos acima de 60 anos que vivem em instituições de longa permanência. Na segunda fase, será aplicada a vacina junto a idosos entre 60 e 74 anos. A terceira abrange pessoas com comorbidades – condições de saúde que agravam a manifestação da COVID-19. Na quarta fase serão imunizados professores, profissionais da segurança, funcionários do sistema prisional e população privada de liberdade.

Nas quatro fases de imunização, são estimadas pouco mais de 679 mil pessoas para receberem as duas doses da vacina. Aracaju, por sua vez, deve aplicar as duas doses em pouco mais de 126 mil pessoas.

PROTAGONISMO
Apesar do embate midiático entre o governador de São Paulo, João Doria, e o Governo Federal, com o ministro Pazuello representando o presidente Bolsonaro, é importante destacar os verdadeiros protagonistas da conquista: os cientistas e técnicos brasileiros envolvidos na produção e na certificação da vacina.

Instituto Butantã, Fiocruz, ANVISA, Universidades Federais e unidades de saúde do SUS são instituições públicas. É graças ao trabalho desses servidores públicos que dedicam suas vidas à ciência que os resultados puderam ser alcançados – o que aconteceria antes, inclusive, se não tivessem que enfrentar o negacionismo.

Essa é mais uma demonstração da importância de fortalecer o serviço público e valorizar os servidores no Brasil. É preciso investir nas carreiras, em concurso público e na capacitação constante para assegurar a qualidade do serviço prestado.

Reunião com PGJ
A nova Diretoria Executiva do Sindicato teve a primeira reunião com o PGJ Manoel Cabral Machado Neto na terça, dia 12. Foram abordadas pautas pecuniárias e não-pecuniárias da categoria. Os encaminhamentos já foram dados e a categoria aguarda a resposta aos pleitos de reajuste pendentes da administração anterior e o reajuste referente à inflação de 2020, afixada em 5,45% conforme Índice de Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Caso tenha perdido o repasse da reunião, confira tocando aqui.

Pautas
Além do complemento de 0,98% referente a reposição inflacionária de 2019 e reposição de 4,48% sobre os auxílios alimentação e interiorização retroativos a janeiro de 2020, foi solicitada a criação de uma comissão para discutir relotações de ofício, assédio moral, concurso público e demais assuntos da carreira de analista e técnico no MPSE.

Confira os ofícios com as solicitações tocando aqui.

Fenamp contra a Reforma administrativa
Também no embalo na vitória da ciência, das instituições públicas e dos servidores na aprovação da vacina contra o coronavírus, a Fenamp segue a luta contra a Reforma Administrativa. Nas redes sociais da Federação são publicados diariamente os cards dessa campanha. Compartilhe nos stories das plataformas em que tiver perfil e ajude a disseminar a importância de fortalecer o serviço público do Brasil contra o desmonte promovido pelo atual Governo Federal.

 


Thiago Leão | ASCOM – SINDSEMP-SE
[email protected] | [email protected]

Compartilhar

Sindicato encaminha ofícios com reivindicações dos Trabalhadores Efetivos

Conforme pactuado após reunião com o Procurador-geral de Justiça (PGJ), Manoel Cabral Machado Neto, o SINDSEMP-SE encaminhou na quinta, dia 14, dois ofícios contendo pautas pecuniárias e não-pecuniárias dos Trabalhadores Efetivos do Ministério Público de Sergipe (MPSE).

Ainda solicitando cumprimento de acordos firmados com a administração anterior da instituição, foi reforçado o pedido de complemento de 0,98% referente a reposição inflacionária de 2019 e reposição de 4,48% sobre os auxílios alimentação e interiorização retroativos a janeiro de 2020. Também, foi anexada a solicitação de reposição inflacionária em 5,45% ao vencimento-base referentes à inflação de 2020, segundo o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Também foi encaminhado ofício referente às pautas não-pecuniárias da categoria, como relotações de ofício como forma punitiva aos servidores, questões ligadas a assédio moral, realização de concurso público e demais tratativas concernentes à carreira de analista e técnico no MPSE. Para isso, foi solicitada a criação de uma Comissão Permanente formada por Trabalhadores Efetivos representados pelo Sindicato e membros integrantes da administração da instituição a fim de discutir e encaminhar propostas de melhorias.

Confira os documentos registrados com GED n° 20.27.0165.0000002/2021-34 e GED n° 20.27.0165.0000003/2021-07:

Ofício n° 001-2021
Ofício n° 002-2021

Compartilhar

SINDSEMP-SE e PGJ abrem via de diálogo para negociar pautas da categoria


Na manhã dessa terça, dia 12, a nova gestão do SINDSEMP-SE fez o primeiro contato oficial com o Procurador-geral de Justiça (PGJ), Manoel Cabral Machado Neto, recém empossado na gestão do Ministério Público de Sergipe (MPSE). Em reunião presencial, seguindo os protocolos de segurança da instituição, abriu-se uma importante via de diálogo para tratar dos assuntos pertinentes aos Trabalhadores Efetivos e ao desenvolvimento de todo o MPSE.

Com a presença de Luís Moura, supervisor técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), foram apresentados os argumentos da categoria para que seja concedida reposição inflacionária remanescente de 0,98% referente a 2019, além de 4,48% sobre os auxílios alimentação e interiorização retroativos a janeiro de 2020. Essas reivindicações foram pactuadas pelo antigo PGJ, Eduardo d’Ávila, que não as concretizou com a chegada da pandemia da COVID-19.

O economista, baseando-se em dados disponíveis no Portal da Transparência, atestou que a instituição, bem como o Governo do Estado, possuem tanto condições orçamentárias quanto legais – sob a ótica da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) – para conceder as solicitações. E vai além: para ele, há plenas condições para que seja discutida a valorização salarial dos salários de técnicos e analistas em Sergipe, que hoje amargam os piores vencimentos do país na categoria.

“O Governo do Estado está com margem de 12% de receita corrente líquida em comparação ao ano passado e com salários congelados”, explica o economista, que presta serviço de assessoria econômica ao Sindicato. Ele destaca ainda que além de a situação financeira do estado ser melhor que em outros períodos do atual governo, o MPSE está com uma boa folga em relação ao limite prudencial (1,95%) e ao limite máximo (2%) de gastos com pessoal no que diz respeito à LRF – atualmente com 1,8%. Com isso, após reforçar a solicitação das pendências, o SINDSEMP-SE irá encaminhar ofício ao PGJ solicitando também reposição inflacionária referente a 2020, que ficou em em 5,45%.

PAUTAS NÃO-PECUNIÁRIAS

Entre as demais pautas abordadas, uma das mais importantes diz respeito a denúncias dos servidores de que algumas chefias que estavam utilizando de remoções de forma punitiva. O PGJ foi enfático ao afirmar que essa prática será condenada em sua gestão. “Ninguém será removido de forma punitiva. As divergências devem ser resolvidas e não tratadas de forma arbitrária. Há um devido procedimento administrativo em casos de divergências e esse será o caminho”, garantiu o gestor na reunião.

Quanto a pauta de concurso público, antiga reivindicação do SINDSEMP-SE, bem como sobre a valorização da carreira dos  técnicos e equiparação com pares de outros MPs e com o Tribunal de Justiça do Sergipe, ficou estabelecido que a discussão sobre esses assuntos serão tratados em comissão mista formada por servidores e membros que será criada para esse fim. O SINDSEMP-SE encaminhará ofício solicitando a criação dessa comissão junto ao ofício referente às pautas pecuniárias.

Estiveram presentes na reunião, além do PGJ, seu chefe de Gabinete, Nilzir Soares, o Secretário-geral, Etélio Carvalho, o Diretor de Planejamento e Orçamento, José Aílton Nunes, e o Coordenador da Divisão de Pagamento, Ronald Nascimento, representando o Diretor de Recursos Humanos, Sávio Garcez.

Compartilhar

SINDSEMP-SE se reunirá com PGJ na terça, dia 12

Foi agendada para a próxima terça, dia 12, a primeira reunião entre os representantes dos Trabalhadores Efetivos do Ministério Público de Sergipe (MPSE) e Manoel Cabral Machado Neto, Procurador-geral de Justiça (PGJ) da instituição. Na ocasião, o SINDSEMP-SE iniciará as negociações com o gestor e apresentará pautas pecuniárias e não-pecuniárias da categoria.

Algumas dessas questões são reivindicações pendentes da gestão anterior do MPSE em que é preciso que haja uma resposta para a categoria. Entre as que serão priorizadas, está a concessão de reposição complementar em 0,98% sobre o vencimento base referente à inflação de 2019, além de 4,48% sobre os auxílios alimentação e interiorização retroativos a janeiro de 2020.

A realização de concurso público e as remoções de ofícios também estarão na pauta abordada pelo Sindicato, além de outros assuntos pertinentes à categoria.

O pedido de reunião para tratar dessas demandas dos Trabalhadores Efetivos do MPSE aconteceu imediatamente após a posse do novo gestor, no final de novembro de 2020. A data anteriormente agendada, em dezembro, foi transferida e na tarde de sexta, dia 8, o Sindicato recebeu o informe da nova data.

Compartilhar